Então você engravidou e está carregando seu baby na barriga, mas aos poucos vai percebendo que não é apenas ela que cresce. As pernas e os pés também podem inchar bastante, principalmente a partir do segundo trimestre, trazendo desconforto, dor e até mesmo outras complicações. Isso acontece porque durante a gravidez o volume de sangue circulando pelo organismo aumenta, fazendo com que a pressão sanguínea nas veias das pernas seja maior.

É aí é que entra a função das meias de compressão:  

“As meias de compressão são indicadas para auxiliar no controle do edema, o popular inchaço, favorecendo um bom retorno venoso. Elas ajudam na redução deles trazendo melhora do desconforto nas pernas e na mobilidade articular. Elas auxiliam também na prevenção da TVP (trombose venosa profunda) que causa as varizes”, explica a fisioterapeuta Diana Guimarães, da Academia da Gestante e do Bebê, em Florianópolis. 

Segundo Diana, a meia é indicada para as gestantes que apresentam desconforto nas pernas, inchaço e/ou dores. Se a gestante já tem histórico de edema antes da gestação ou alteração circulatória também pode ser indicado o uso da meia.

Novidade: em breve teremos meias de compressão da Agora sou Mãe disponíveis. Adeus meias de compressão sem graça. Aguarde! 

Em breve: adeus meias de compressão sem graça!

Confira abaixo mais dicas da fisioterapeuta sobre o uso das meias:

  • Observe a altura da meia e veja se a pele fica marcada ou se está fazendo algum tipo de garrote e congestão na região acima da meia. Deixe a peça bem esticada, sem dobras, principalmente na região do pé; 
  • É legal observar o tipo de compressão (leve, média ou alta) pois cada uma tem sua indicação certa;
  • Cuide se o tamanho da meia é adequado conforme sua altura e peso. Observe sempre se a compressão está efetiva, de tempos em tempos é necessário a troca da meia pois esta vai perdendo a tensão; 
  • O ideal é que a meia seja colocada no início do dia antes de levantar da cama. O tempo de uso pode variar para cada mulher. No caso de uma gestante que precise ficar longos períodos em pé no trabalho e apresenta muito desconforto nas pernas pode usar durante todo o dia e retirar para dormir. 
  • Nunca use as meias para dormir. O uso indicado é durante o dia.

Diana ainda lembra que, além das meias é importante adotar outras medidas de controle de edema, como a prática regular de exercício físico, uma boa ingesta hídrica, diminuição de sal na alimentação e drenagem linfática.

Ah, e não esqueça de trocar uma ideia com o seu médico antes de utilizar as meias para avaliar o edema e que tipo de compressão é mais indicado para você.  


Pin It on Pinterest

Compartilhe!