Já coloquei AQUI informações de como tirar o passaporte para crianças, foi bem simples! O segundo passo para uma viagem internacional em países que exigem o visto, é providenciar este documento. Hoje vou falar especificamente do visto para os Estados Unidos.

O primeiro ponto é saber se os pais já possuem o visto, como foi o nosso caso. Existem duas opções para tirar o visto de crianças com até 15 anos e 11 meses:

1 – Fazer tudo sozinha:

Entrar no site do Consulado Americano (CLIQUE AQUI) e preencher um documento DS-160 para a criança. É necessário ter uma noção de inglês, o formulário é um pouco chatinho de preencher, mas nada demais. 

DS - 160 - Start an Application

DS – 160 – Start an Application

Depois de preenchido o DS-160, entrar no site para agendar o visto americano (CLIQUE AQUI) e criar uma nova conta em nome da criança. A partir daí, você deverá pagar a taxa MRV e agendar a entrevista. Atenção para selecionar o CASV (Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto) mais próximo para você. Fiz o meu na Vila Mariana em São Paulo.

Não é necessário levar a criança na entrevista! Basta um dos pais levar os seguintes documentos:

Passaporte, comprovante de agendamento, a página de confirmação do DS-160  e uma foto 5×5 ou 5×7 em boa qualidade! Atenção para a qualidade e apresentação da foto, é o motivo mais comum de recusa dos vistos infantis. Fui precavida e tirei 2 fotos diferentes, em caso se uma não ser aceita.

Especificações da foto:

  • A fotografia não poderá ter bordas;
  • A fotografia deverá ter a visão completa da face do solicitante. O solicitante não poderá estar olhando para baixo ou para qualquer lado, e a face deverá cobrir 50% da área da foto;
  • Fotografias com visão lateral ou angular não serão aceitas;
  • A face do solicitante deverá medir 3 cm do queixo até o topo da cabeça;
  • De preferência ambas orelhas deverão estar expostas;
  • iluminação correta e simétrica
  • Os cabelos não podem cobrir a testa;
  • A fotografia deverá ser colorida, e deverá ter o fundo branco;

Foi assim que eu fiz o visto do Dudu, tudo por mim, mas para quem não mora em uma cidade com atendimento do Consulado Americano (meu caso), existe uma segunda opção que vale mais à pena e acaba saindo mais barato do que ir pessoalmente (se você contar despesas com passagem, alimentação, transporte e hospedagem). Fazer via despachante. Acabei não fazendo porque não pude esperar o prazo que eles me passaram para entregar o documento (30 dias úteis).

2 – Fazer o visto via Despachante

Essa opção vale para quem não quer se incomodar ou para quem mora em uma cidade afastada de um CASV. O valor de todo o processo (incluindo o pagamento da taxa MRV que custa U$160 aproximadamente R$336) custa em média R$678. A passagem de Floripa para SP de ida e volta já ultrapassa essa diferença de valor, tirando a comodidade  de não precisar ir até lá.

Existem várias empresas especializadas em despachantes consulares, recomendo escolher uma que tenha boas referências e seja de confiança. Só atenção para o prazo de entrega do passaporte com o visto. Me passaram 30 dias úteis, mesmo dizendo que o prazo seria menor eu não quis arriscar e preferi fazer tudo por conta. Como viajamos no próximo mês e eu amo deixar as coisas pra cima do laço, não pude fazer via despachante.

*******

*******

Caso os pais também não tenham visto, é necessário que cada um preencha um DS-160 e o agendamento pode ser feito para todos os membros da família no mesmo horário, e a criança não precisa estar presente!

Espero ter ajudado!

Mês que vem vou colocando dicas de viagem, principalmente da Disney, que é para onde vamos levar o nosso pequeno!

 

 

 

 

 

 

Pin It on Pinterest

Compartilhe!